Pacientes com Trombose ou Trombofilias são Grupos Prioritários para Vacinação?

O novo decreto estadual em São Paulo informa que em maio será iniciada a vacinação de indivíduos com comorbidades*.

Fazem parte desse grupo, todos eles com idade a partir de 18 anos:
Síndrome de Down;
Pacientes renais em diálise;
Transplantados imunossuprimidos;

Portanto, antecedentes de trombose, trombofilias hereditárias, doenças hemorrágicas, púrpuras não estão incluídas nas comorbidades prioritárias nessa fase inicial da vacinação.

*As comorbidades podem variar conforme regras de cada Estado da Federação.

Devo exigir um tipo especial de vacina?

Apesar de relatos na Europa e Estados Unidos de trombose e plaquetopenia associada a vacinação (AstraZeneca e Janssen), essa complicação é muitíssimo rara e se refere a um tipo particular de doença trombótica.

Dado a grande eficácia em prevenir uma infecção tão grave como a COVID-19, aliada a baixa disponibilidade de imunizante no Brasil, não há fundamento em dar preferência a uma marca de vacina em pacientes que já tiveram trombose ou alguma trombofilia.

Fique certo que em portadores de trombofília o risco em desenvolver trombose é bem mais pronunciado durante a infecção pelo COVID-19, do que como efeito colateral da vacinação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *