Doenças da Coagulação e COVID-19

Desde a última semana com a explosão da ameaça pelo COVID-19 no Brasil, muito se tem divulgado nas redes sociais sobre o efeito da infecção em pacientes com doenças hematológicas.

Infelizmente, notícias falsas circulam na internet e precisamos estar imunes a elas através de informações confiáveis.

Anticoagulação
Os anticoagulantes não são, por si só, fatores de risco para formas graves de coronavírus. O que gera mais chance de complicações é o fato do paciente ser idoso ou ter comorbidades como hipertensão, diabetes, doenças pulmonares, cardíacas e imunossupressoras.

Pacientes que usam a Varfarina (Marevan) devem manter seguimento na clínica, para controle de RNI. Esse controle é considerado uma urgência. Disponibilizamos um aparelho “point of care” (coaguchek) que fornece de forma rápida e segura a monitorização da coagulação.

Por favor, não suspendam a medicação. É desnecessário correr mais um risco, além daquele iminente à pandemia atual.

Trombofilias
Trombofilias são anormalidades, genéticas ou adquiridas, com propensão a formar trombos. Cada paciente deve ter uma avaliação individualizada. Uma parcela desse grupo já teve trombose e está sob uso de anticoagulantes e outra nunca apresentou a doença.

De um modo geral, o fato de ter trombofilia não dever ser encarado como uma situação que vai levar formas mais graves da virose. Lembrem-se dos grupos de risco listados no tópica de Anticoagulação.

Púrpuras
Pacientes com púrpura têm baixa contagem de plaquetas e, portanto, maior tendência a sangramento. Mais uma vez: cada caso é um caso.

A conduta frente a esses pacientes deve considerar o tempo do diagnóstico (agudo x crônico), comorbidades e uso recente de terapia imunossupressora (imunoglobulina, corticoide).

Pacientes com diagnóstico superior há um ano, boa contagem plaquetária (superior a 50.000) e sem uso recente de imunossupressor não devem receber medidas adicionais àquelas já propostas para população geral.

ATENÇÃO: COVID-19, não faz parte das febres hemorrágicas, que são doenças infecto-contagiosas que cursam com sangramentos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *