AAS previne trombose?

A aspirina (AAS) é uma droga usada há mais de um século e até hoje ainda gera muita polêmica.

Você já deve ter ouvido falar que ela afina o sangue, é boa para circulação, coração, e até mais recentemente, pode ser usada na prevenção e tratamento de COVID-19.

Mas afinal, que remédio é esse?

Aspirina é um inibidor plaquetário. Plaquetas são células do sangue que representam uma das vias da formação de coágulos,

A recomendação oficial (que tem eficácia comprovada) da aspirina é na prevenção de novos eventos de AVC e infarto cardíaco em pessoas que já apresentaram esse tipo de doença. É a chamada prevenção secundária.

Com relação a trombose venosa (TVP) e embolia pulmonar, a eficácia não está tão bem estabelecida. Para pacientes que são de alto risco de recorrência dessas doenças, os anticoagulantes ( Ex: xarelto, heparinas, varfarina) são mais efetivos.

Portanto nada de começar a se automedicar com AAS se você quer prevenir trombose, porque já teve uma TVP no passado, ou vai fazer um voo longo e muito menos tratar COVID-19.

Lembre-se que aspirina é inibidor da coagulação e favorece sangramentos. É uma tentativa de proteção que pode custar muito caro para sua saúde.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *